......................................................... POR UMA CPI NA MÍDIA
A CAIXA-PRETA DAS CAIXAS-PRETAS

 



27.08.2008
SENADOR DIZ QUE ESCOLAS BRASILEIRAS PREGAM COMUNISMO ÀS CRIANÇAS

Por Iara Farias Borges - Agência Senado

O senador Gerson Camata (PMDB-ES) afirmou em Plenário, na última terça-feira (19), que, segundo matéria da revista Veja, algumas escolas brasileiras fazem pregações sobre marxismo e comunismo a seus alunos. O senador disse que tal ideário pertence ao século XIX e apelou ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, bem como ao ministro da Educação, Fernando Haddad, para que não permitam que os estudantes do país sejam educados de uma forma, a seu ver, ineficiente.

- Em vez de ensinar matemática, geografia, ciências, preparar os garotos para o futuro de um mundo novo, preparam os estudantes para nada. Preparam para serem inúteis, preparam para serem revolucionários como Che Guevara - disse Camata.

O senador parabenizou a China por ter omitido, na solenidade de abertura das Olimpíadas de 2008, "o período mais negro, mais energúmeno, mais assassino e mais homicida da sua história, que foi o regime comunista comandado por Mao Tse-Tung".

Camata disse que o Brasil é o país que possui o maior número de partidos comunistas (cinco), o que, em sua opinião, representa um atraso político. Segundo ele, a ineficiência dos políticos e a "onda de corrupção que varre o Brasil" têm relação com o comunismo pregado nas escolas brasileiras. Ele também chamou a atenção para a necessidade de o país melhorar seus índices educacionais para ser mais eficiente.


Google

Clique aqui para assinar nosso jornal impresso


Este site é melhor visualizado na resolução de 800 x 600 pixels.
© 2004 Fazendo Media - por Kzal Design